sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Outra carta.






E foi por dever fidelidade às pessoas que em mim confiam, que não pude antes me render a esse sentimento. Hoje, percebi que devo fidelidade também a mim. Não consigo mais controlar a minha ansiedade antes de sua chegada nem a minha saudade e expectativas de quando você parte. Percebo que, quanto mais o tempo passa, mais os meus olhos vidram sua imagem, meu corpo pede o teu abraço e o meu desejo lateja em minha mente.
Sei que antes eu podia. Mas é hoje, é agora que a minha boca pede a tua pra saborear os sonhos que tenho acordada, hoje que percebo que é o teu cheiro que me faz acordar, são suas brincadeiras (mesmo que cheias de ironia) que me fazem abrir um sorriso...
Não quero te encher de justificativas (e eu as tenho), muito menos te dar todos motivos pra tanto afeto. A única coisa que eu posso te oferecer agora, é um coração que transborda sentimento, um olhar cheio de brilho, a amizade e cumplicidade que já é tua e uma porta pra felicidade.
Se pensardes que minha felicidade está em tuas mãos, saiba que é recíproco. Porque ao abrir essa porta, serás vivo e bem-vindo em mim. E ao fechar, fará de meu mundo uma pequena gota, mas logo me transformarei de novo em oceano e seguirei.

Fonte de inspiração: Hadassa Benevides.

14 comentários:

Anna Larissa. disse...

S.O.S recalques voltando à dar sinais de vida, hein?
Seria possível escrever um livro apenas com as nossas histórias de amor, imagina quando se juntam a de amigos e familiares?
O fato é que todos tem uma história pra contar, e as cartas são uma forma de tirar tudo aquilo que ficou subentendido, de explanar os sentimentos e acalmar o coração.
excelente texto princesa!
amo você!
beijo.

Caroline Farias disse...

Aii fiquei imaginando tuudo!
Meu Deus, eu fico cada vez mais apaixonda pelos teus textos!
Beijo

tai do nascimento disse...

Se pensardes que minha felicidade está em tuas mãos, saiba que é recíproco.

que lindo.

ps. brigada pelo selo :D

Aline disse...

Nossa, como amo essa música que você colocou aqui. Não sei se já tinha lhe dito isso antes...
Beijosss

Agatha disse...

Amor a maior fonte de inspiração.
Sei como é, a saudade. É ver a vontde aumentando diante dos seus olhos. Um dia é muito tempo longe de quem tanto amamos.

Um beijo.

Pedaços de Tempo disse...

Obrigado pelos teu comentário fofo, ainda bem que adorastes.

“Se pensardes que minha felicidade está em tuas mãos, saiba que é recíproco. Porque ao abrir essa porta, serás vivo e bem-vindo em mim. E ao fechar, fará de meu mundo uma pequena gota, mas logo me transformarei de novo em oceano e seguirei.”

Lindooo este teu texto da “Outra Carta.”... foste beber a tua inspiração em boa fonte!

Um beijão para ti também mas enviado aos pedacinhos,
CR/de
www.carlosribeiro-photos.blogspot.com

Lucas Lima disse...

estar certo de que a felicidade está em nós antes de tudo, é o grande segredo..., por isso é tão difícil, rsrs
bons dias

Flávia Diniz. disse...

liiiiiinda, brigadãooooooo!
Muito bom seu blogg ;)

Beijos.

thaís frugulhetti - disse...

lindo lindo lindo.
adorei o texto.

blog perfeito também (:
um beijo.

Ellen Damaris disse...

Nossa choreeei com seu texto !
Sera que o amor tudo isso?
Gente se transborda desse jeito?
queria so saber as respostas do amor porque tudo isso ?
Eu adoreeei seu texto posso colocar um pedaço no meu orkut ?
Sucesso porque vs merece isso e mto mais !
Obrigada por me desejar sorte
beeeijos

N. Megunni disse...

Me identifiquei totalmente com esse texto. Lindo!

meus instantes e momentos disse...

bonito post, gostei daqui.
Tenha um ótimo e feliz final de semana.
Maurizio

Fran disse...

Amada, tem selo pra você lá no meu blog :)

Juliana disse...

floor , tem selinho no meu blog pra você [;
beijos :*